Ter piolhos é uma questão de higiene?

Ter piolhos é uma questão de higiene?

Muitas vezes associamos piolhos à falta de higiene ou cabelo sujo. Esta crença está errada e deve ser corrigida para diminuir o estigma quanto aos piolhos. No caso das crianças e jovens, este tema deve ser tratado com cautela, de modo a não encorajar o bullying em ambiente escolar.

Os piolhos não fazem distinção entre cabeças limpas e sujas. Eles resistem inclusivamente à água quente, mesmo acima dos 50 graus Celsius. Como tal, a pediculose não está associada à falta de higiene ou à falta de lavagem regular do cabelo.

Todos temos a responsabilidade de divulgar esta informação, para sensibilizar as crianças para a importância de prevenir o contágio de piolhos sem  rótulos ou preconceitos.

Outros mitos sobre piolhos

  • Os piolhos não transportam ou propagam doenças, embora coçar o couro cabeludo possa causar feridas que podem infetar.
  • É falso que algumas pessoas têm mais probabilidades de apanhar piolhos do que outras. Apesar de os piolhos se propagarem mais facilmente em  algumas cabeças, qualquer criança ou adulto pode ser exposto a piolhos.

E já agora, recordamos alguns conselhos para evitar piolhos em casa e na escola:

  • Não partilhar artigos pessoais tais como pentes, chapéus, toalhas, fitas de cabelo, etc.
  • Vigiar sempre cuidadosamente a cabeça dos vossos pequenos para verificar se existem  lêndeas ou piolhos.
  • Em caso de contágio, avisar sempre a escola,  para que possam ser tomadas as medidas adequadas.
  • Para uma eliminação rápida e eficaz, consultar um centro profissional.

Nos centros Sem Mais Piolhitos, somos pioneiros no tratamento em três fases: aspiração, remoção com pente profissional e inspecção com lupa e pinça, oferecendo total garantia. Recorremos somente a tecnologia, sem químicos. O nosso tratamento é adequado a pessoas com alergias ou mulheres grávidas. O nosso diagnóstico é rápido e gratuito e pode ser marcado em qualquer um dos nossos centros.

Marcações para eliminar piolhos e lêndeas

Porto 938 386 825 | Braga 930 487 512 | Maia 911 751 229 | Vila do Conde/Póvoa de Varzim 910 171 605 | V. N. Gaia 938 386 827